MSXPI:Specs:PT:SETUP

From Retro-CPU.run
Jump to: navigation, search

Pronto Para Usar em 4 Passos

Nota: Este é o método recomendado para uma rápida utilização do MSXPi, e para usuários que não tem interesse em configurar manualmente o Raspberry Pi. Usuários podem utilizar sua própria distribuição Linux no Raspberry Pi, mas terá que instalar todas as bibliotecas necessárias par o funcionamento do módulo servidor. Consulte o código do msxpi-server.c para o procedimento necessário neste caso.


1. Baixe a imagem do Raspbian preparada para o MSXPi. Esta imagem já inicia com o servidor rodando e preparado para respondre aos comandos do MSX. Na pasta compartilhada via dropbox neste link (https://www.dropbox.com/sh/icncwnbdo0z0089/AAB9zX1w7pgQFZkWKfxhL82ha), baixe o arquivo "msxpi_raspbian.img".


2. Grave a imagem num cartão SD de pelo menos 4 GB.

  • Para gravar a imagem num ambiente Linux ou Mac OS X, pode utilizar o comando dd:

dd if=msxpi_raspbian.img of=/dev/diskX


Atenção: diskX é o disco corresponde ao cartão SD, normalmente este número é 2 ou ainda um número superior se você tem mais de um disco ligado ao sistema.



3. Conecte o Raspberry Pi à interface. Para este procedimento, use como referência o manual (seção "4 - Connecting MSXPi to the Raspberry Pi"), disponível para download no dropbox no link do passo 1.

  • Se o Raspberry Pi for dos modelos Zero, use a Figure 2 como referência para plugar o Raspberry Pi na interface. Será necessário 7 pontos de solda, ou 7 fios com terminação de conectores fêmeas para efetuar a ligação.
  • Se o Raspberry Pi for de outro modelo (2 ou 3), providencie a ligação à interface usando como referência a Figure 3 do manual, seção 4.


Link para o manual do MSXPi: https://github.com/costarc/MSXPi/blob/dev/documents/MSX%20Pi%20Interface%200.8.1.pdf


4. Insira o cartão SD no Raspberry Pi e ligue-o da seguinte forma:

  • Se o modelo for Pi Zero, plugue a interface no MSX e ligue-o. O Raspberry Pi será ligado junto com o MSX.
  • Se o modelo for 2/3, ligue o cabo de alimentação do Raspberry Pi. Em seguida ligue o MSX.


Com este procedimento, o MSX deverá fazer boot via MSXPi-DOS que está gravado na EPROM da interface. Nesta configuração, o MSX deverá ter o drive A: com o MSXPi-DOS, e o drive B: com tools do MSXPi. Se o MSX tiver outra interface de drive conectada, o drive C: deverá também estar disponível e poderá também ser utilizado normalmente.


Nota: Se quiser que o MSX faça boot pela outra interface conectada, remova o jumper CS1 da interface. Em alguns sistemas como o Zemmix isso não é necessário, bastando apenas pressionar ESC durante o boot para que entre o DOS de outra interface conectada..


Atenção: Ao ligar o MSXPi ao Raspberry Pi, muita atenção para não ligar o pino 5V erroneamente a pinos GPIO do Raspberry Pi. Este pino 5V no MSXPi tem a finalidade de alimentar o Raspberry Pi Zero, que tem um consumo dentro das especificações suportadas pelo MSX. Raspberry Pi 2/3 devem ser alimentados por uma fonte de alimentação externa.

I4EGifm.png